quarta-feira, 28 de julho de 2010

Próxima parada: Diamantina!

Como alguns sabem, passei para Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (Não sei pra quê esse nome), localizada em Diamantina - MG. Cursarei Bacharelado em Humanidades, curso pouco conhecido, mas de valor infinito. Estou indo hoje de madrugada... E agora, estou despedindo do meu quarto, do meu canto, da minha casa. 
Terminei de desbravar as gavetas hoje e descobri que uma cômoda e um armário guardam mais coisas do que a gente imagina. O legal de mudanças é que você encontra coisas que nem sabia da existência. Como o creme de olheiras que nunca usei (e que provavelmente nunca vou usar), um papel com o nome da minha futura máquina fotográfica profissional, que já devem ter surgido melhores. O bloco em que eu escrevia meus planos, contendo sonhos riscados e coisas que me fizeram rir. Algumas lembranças que me olhavam do fundo da gaveta e que já foram parar dentro do lixo, já outras, não consegui me desvencilhar tão facilmente.
Consegui reunir tudo o que consideram necessário para uma vida em outro lugar. "Leva agasalho, não esquece do protetor, liga assim que chegar, tá levando remédio pra gripe?"
Tô, mas posso substituir por alguém? O beijo da minha mãe cura gripe mais rápido e o abraço das minhas amigas me protege do sol, do vento e do frio tão bem quanto um agasalho ou um protetor. Queria que as pessoas coubessem na mala, ou que a saudade fosse um sentimento bom. Odeio sentir saudade. 
Mudança tem sempre seu lado ruim, você deixa pra trás as pessoas que você ama, mas tem o lado bom, que compensa qualquer dor que a falta dessas pessoas causa a você. Quando você muda, você conhece outros ares, outros bares (rs), outras culturas, outras pessoas. Faz mais amigos e acaba espalhando a saudade pra todos os cantos.

3 comentários:

Raphaela Sacchi disse...

Saudade é o pior sentimento do mundo. Mas sabe do que mais? Você vai se dar tão bem aí, que vai saber administrar tudo muito bem. Sem medo de ser feliz amiga, agora é a sua vez. Te amo

Wagner disse...

Parabéns e sucesso!

Beijos,

W.

botelhow disse...

Parabéns Luisa! =B
A vida sempre é um risco bom que devemos enfrentar. Explorar as possibilidades sempre vai ser a máxima para ampliar nossos horizontes.
Ficar em casa? Só se ficarmos bem velhinhos... ou nem assim!